Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Arte da Simplicidade

"Se vives de acordo com as leis da natureza, nunca serás pobre; se vives de acordo com as opiniões alheias, nunca serás rico." (Séneca)

"Se vives de acordo com as leis da natureza, nunca serás pobre; se vives de acordo com as opiniões alheias, nunca serás rico." (Séneca)

A Arte da Simplicidade

31
Jul17

Vantagens e Desvantagens de viver sozinha!


Margarida

Ter a experiência de "viver sozinha" era algo que ambicionava desde que acabei a universidade.

Tive um grupo de colegas extraordinárias nessa época e podemos orgulhar-nos de tudo ter corrido bem durante 4 anos coordenando estudos, noites de sono e de festa e banhos de manhã vivendo a 5 dentro de um apartamento minúsculo, com dois quartos e uma única casa de banho! É obra, meus caros! 

Depois disso, e por razões que só a razão desconhece, voltei à casa que me viu nascer. Recuperei o meu quarto (onde só dormia eu, logo só aí já ganhei um pouco mais de espaço) mas ,apesar da compreensão da parte dos meus pais, senti este "regresso a casa" como um retrocesso, uma espécie de "perda de liberdade". E o bichinho continuo lá dentro: queria ser independente... 

Com a vinda para França partilhei casa com uma colega portuguesa. Correu tudo lindamente, ganhámos muitas histórias para contar, aprendemos a gerir coisas, montámos móveis, partilhámos coisas, acumulámos experiência e sempre me senti em casa... naquela casa onde já haviam algumas coisas que eram minhas, que tinha pago com o meu dinheiro, como uma menina grande! 

Com a mudança de cidade, o "ter uma casa só minha" tornou-se inevitável, e também uma certa exigência. E se gosto desta minha casa: decorada por mim, com coisas com as quais me identifico. É luminosa, numa zona relativamente calma, com um parque ao lado e a 5 minutos a pé do hospital (se soubessem o jeito que dá, sobretudo à noite...). Sinto-me mesmo muito bem neste pequeno apartamento que me acolhe de cada vez que abro a porta de casa. 

Neste momento, ao fim de um ano e meio na "minha casa", estou em condições de vos apresentar algumas vantagens e desvantagens desta história de ser o único habitante da casa. 

 

As Vantagens: 

- Podes perfumar a casa ou cozinhar o que queres sem reclamações quanto aos cheiros; 

- Tens o direito de comer onde e quando queres, como queres e sem horários restritos; 

- Levasta-te e deitas-te à hora que te apetece sem comentários do tipo "já te vais deitar?" ou "ainda é cedo"; 

- O barulho começa de manhã ou à noite conforme te apeteça, só não exageres por causa dos vizinhos; 

- Qualquer assunto relacionado com decoração, limpeza e organização só te dizem respeito a ti; 

- No final do mês só pagas os teus esquecimentos de água a correr e de luz acesa; 

- Não tens de coordenar as horas de levantar, tomar banho e cozinhar com ninguém; 

- Estar às escuras ou com as luzes todas acessas, ouvir música no máximo ou estar em silêncio são tudo pequenas coisas que estás à vontade para fazer

- Tens o direito de passar os fins de semana deitada no sofá a ler sem ouvir o barulho de uma mosca; 

- Podes vestir-te como quiseres em casa. Até podes estar despida se te apetecer...

- Se te apetecer desligar o telefone e a net estás à vontade. Ninguém te importunará... a não ser o correio que vêm sempre a horas impróprias; 

- Podes convidar quem quiseres a vir a tua casa sem teres de chegar a acordo com outra pessoa e podes também chegar a casa à hora que te apetecer sem dar justificações a ninguém. É que mesmo uma colega de casa fica inquieta se chegares tarde e não avisares; 

- Podes seguir as séries todas que quiseres, e as fofocas das revistas também; 

- Os rituais de beleza mais estapafúrdios estaram à tua disposição; 

 

As Desvantagens: 

- Todas as despesas são por tua conta: renda, água, luz, gás, comida, bebida, decoração...; 

- Acabas por comer muitas vezes em frente ao computador ou à televisão para não te sentires sozinha a jantar (pessoalmente faço um esforço enorme mas consigo pôr a mesa e sentar-me a jantar na cozinha); 

- Em dias mais stressantes, ou cansativos, o jantar acaba por ficar em segundo plano; 

- Se chegares a casa demasiado triste não tens ninguém que te puxe para cima, se chegares demasiado eufórica ninguém te chamará "à terra"; 

- O computador e o telemóvel acabam por ser a tua maior companhia;

- Os amigos não estão sempre em nossa casa, nem nós em casa deles, e isso faz com que o nosso maravilhoso sofá ou a nossa varanda não sejam locais tão conviviais como pareciam ao início; 

- O silêncio é agradável mas pode tornar as noites e os dias muito longos, especialmente se não for bem gerido! 

- As tarefas domésticas são feitas apenas por um e o transporte dos sacos das compras também... A vantagem está em que te pouparás a discussão por causa do tampo da sanita!

E esta é a minha lista de vantagens e desvantagens de viver sozinho! Apesar de, às vezes, acusar as noites demasiado longas o silêncio não me pesa muito e aprendi a apreciar a minha própria companhia, o que por si só é uma grande vitória! 

E vocês, qual a vossa experiência? Viver sozinho ou não? E se sim, qual a vossa impressão?

Um grande beijinho e aguardo as vossas respostas! 

Margarida

 

 

 

 

Comentar:

CorretorEmoji

Notificações de respostas serão enviadas por e-mail.

Este blog tem comentários moderados.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D