Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Arte da Simplicidade

"Se vives de acordo com as leis da natureza, nunca serás pobre; se vives de acordo com as opiniões alheias, nunca serás rico." (Séneca)

"Se vives de acordo com as leis da natureza, nunca serás pobre; se vives de acordo com as opiniões alheias, nunca serás rico." (Séneca)

A Arte da Simplicidade

30
Mar17

Dependente de Vitamina D


Margarida

Uma noite mal dormida, um dia cheio de trabalho e de estupidez humana são coisinhas para me tirar do sério (especialmente a noite mal dormida e a estupidez humana) sendo assim agradeçamos aos Santinhos todos o facto de ser Primavera e de estar um Sol maravilhoso e um parque ao pé de casa e... o estado de espírito nem mexe! 

Digam lá que nestes dias o Sol não faz tudo parecer um disparate! Definitivamente padeço de uma dependência de vitamina D!

27
Mar17

Gerir o "Budget Mensal"... quase como um jogo!


Margarida

Olá Caros Leitores hoje venho falar-vos de um tema um bocadinho diferente do que têm sido habitual mas, no entanto é qualquer coisa que me foi incutida desde muito pequenina e que faço quase inconscientemente: estabelecer um budget mensal e dar-se prazer sem se arruinar.

Cada vez mais ouvimos falar de novos modos de vida e se o "minimalismo", o "Frugralismo", a "simplicidade voluntária" ou outros tipos de vida mais ou menos imateriais se tornaram quase uma "moda" muito se deve a toda a crise económica e social em que a nossa sociedade se encontra mergulhada. Atenção que não estou a fazer uma crítica, todo e qualquer motivo é bom para fazer uma mudança de estilo de vida e tantas quanto se quiser! 

Mas a verdade é que também precisamos de dinheiro, pelo menos aqueles que não se sentem preparados, ou nem sequer anseiam, para dar o "grito de ipiranga", deixar tudo e viver de uma forma auto-suficiente e de simplicidade extrema em muitos dos casos. Desta forma é normal que todos nós, uns mais e outros menos, olhem com alguma cautela para o seu salário e deduzam despesa. Ele são os créditos automóvel e/ou habitação, o alojamento, o combustível, alimentação, roupa e um ou outro extra... e o dinheiro não chega para mais nada! Ou talvez chegue e não esteja simplesmente a ser bem gerido. E é nisso que o "budget mensal" escrito e organizado nos ajuda! 

Deixo-vos aqui 10 dicas para criar e gerir o vosso budget mensal conseguindo assim manter as contas em positivo, e talvez até poupar, como se de um monopoly se tratasse: 

- Anota todas as tuas despesas mesmo as que te parecem mais irrelevantes (como por exemplo o café que tomas todos os dias ao almoço) e faz, no final do mês o cálculo de quanto gastaste e de quanto precisas realmente por item: casa, carro, alimentação, lazer, saúde... Estabelece e adapta esses valores de forma a criares com ele o teu "plafond" mensal!

- Cria um sistema de "envelopes" ou de "colunas" onde colocas o valor que tens disponível para cada item. Por exemplo alimentação 100 euros.. e tenta fazer esse plafond durar até ao final do mês.

- Questiona os teus gastos e quanto pagas por cada coisa: um tarifário ilimitado de chamadas quando nem 1h gastas ao telefone por mês é mesmo útil? E o valor do ginásio onde são mais as vezes que não vais do que as que vais?! Outra coisa importante a fazer será comparar preços e negociar (audiovisual, taxas de juros dos bancos...). Dá trabalho mas também dará lucro: basta estar atento e fazer as perguntas certas.

- O "feito em casa" sabe sempre melhor... mete de lado a comida congelada e o almoçar fora só porque estás com preguiça e dedica-te à cozinha. Para poupar tempo faz pratos a mais e congela. Fica mais barato e não tenhas dúvidas, sabes o que comes!

- Apaga os teus e-mails publicitários! As marcas atacam-nos por todos os lados por isso evita abrir e-mails publicitários que te oferecem coisas do género: compra dois e paga 1! Evita também os centros comerciais como locais de passeio... prefere um bom parque e o Sol! 

- Cria novas formas de consumo: procura frutas e legumes de produtor ou de mercados e de preferência de época que são mais baratos e a qualidade será melhor, prefere uma peça de roupa de mais qualidade (e atenção que isso não significa sempre mais cara) e que te durará mais tempo a 3 ou 4 que estão condenadas a estragar-se na primeira lavagem, adapta-te às tuas necessidades (se compras mais ao Kg pagarás mais do que se comprares menos mesmo que o Kg seja mais caro), questiona promoções, saldos e outras campanhas de marketing! 

- Pensa em opções mais económicas, e que te permitam aproveitar o mesmo ou ainda mais, para as tuas actividades : aproveita o Sol e faz um piquenique em vez de ires expor-te na esplanada da praia sempre que te apetece apanhar um bocadinho de Sol. 

- Faz o máximo de pagamentos possíveis em dinheiro e evita o cartão. O dinheiro "físico" é mais fácil de "ver" logo mais fácil de gerir! 

- Desliga-te um bocadinho da ideia do "não posso ter isto ou aquilo" põe-te simplesmente a questão "faz-me mesmo falta? preciso mesmo disto?"

- Pensa em objetivos reais para as tuas poupanças e dá-te prazer de vez em quando. Não é melhor poder ir àquele restaurante onde queremos mesmo ir do que comer 2 ou 3 vezes no mês no Mc********?! Queremos melhorar as nossas finanças sim mas frustrações e poupanças sem fins não nos servem para nada!

Espero que este post vos tenha agradado e aguardo o vosso feedback! É bom "ouvir-vos" desse lado! 

Um grande beijinho! 

Margarida

 

 

25
Mar17

O mau tempo dá para...


Margarida

Fim de semana prolongado em casa dos meus pais... com chuvinha da boa como não podia deixar de ser! Resultado: procrastinação, má alimentação e um Valente corte de cabelo à mistura. Cabelo mais curto e saudável é mais fácil de cuidar dizem eles. Valha-me isso digo eu. Obrigado São Pedro por me teres deixado preguiçosa e descuidada!

19
Mar17

"Cozinha & Co"


Margarida

E um novo blog vê, neste Domingo ensolarado, a luz do dia. Trata-se de "Cozinha & Co" e vêm da minha paixão pela "Slow Cooking". 

Porque cozinhar pode ser uma medida importante quando se fala em "zero waste", porque passamos muitos e bons momentos de qualidade à mesa e porque o facto de fazermos nós a nossa comida poderá ajudar-nos a aumentar a moral (quem não gosta de um bom elogio quanto aos seus dotes culinários?!) e a poupar! Sem falar de que sabemos exatamente como foi feito e que ingredientes lhe colocamos.

Imaginem que têm um jantar e devem levar a sobremesa. Ela será muito mais apreciada se for caseira e ainda poupamos uns bons trocos! Basta organização e uma boa receita!

As receitas apresentadas serão de várias espécies que podem ir desde chocolates caseiros para oferecer, a bolos e receitas para festas e a substitutos alimentares sempre respeitando regras como o comprar o mais local e de estação possível e de preferência proveniente de uma agricultura senão 100% biológica ao menos de uma agricultura sustentável e de produtos o mais simples e puros possível. 

Espero que este seja do vosso agrado e a primeira receita está ali a arrefecer na cozinha e sairá no blog em menos de nada! 

Até já! 

Margarida

18
Mar17

Primavera... a estação de recomeçar!


Margarida

Adoro a Primavera! É, para mim, a estação perfeita. Voltamos a sentir o Sol que nos aquece corpo e alma, os dias tornam-se maiores, as cores e os tecidos mais vivos e alegres e as flores desabrocham... é como que uma época que marca o início de uma "nova" vida depois do triste Outono e do longo Inverno. 

É quando temos vontade de sair à rua e passear no parque, quando queremos abrir a nossa casa e enchê-la de ar quente e boas vibrações... quando o contacto com os outros é mais fácil! 

É a estação que dita o começo de grandes amores (vá-se lá saber porquê..) ou a época de sonhar e de dar o tudo por tudo! É nesta altura que começam as festas populares e a alegria envolvente que nos lembra: sou feliz! 

A Primavera é um tempo de recomeço... e o objectivo fixado é ser feliz! Por isso abram as vossas janelas para o Mundo, aproveitem a Natureza, reaproximem-se da família, enviem mensagem aquele amigo que já não vêem à anos, comecem a praticar um desporto e, essencialmente, amem-se! 

 

16
Mar17

Slow Beauty: 10 dicas para ajudar a crescer o cabelo!


Margarida

Olá Meninas espero que estejam bem!

Somos muitas a querer um cabelo longo e bonito. No entanto nem sempre temos os efeitos que queremos, ou desejamos. Desa forma deixo-vos aqui 10 dicas simples, práticas e muito económicas para vos ajudar neste challenge

1) Cortar o cabelo: Sim, parece infantil como ideia mas a verdade é que já ouvimos muitas vezes "não corto o cabelo e ele não cresce". A verdade é que pontas estragadas fazem o cabelo ter uma aparência menos cuidada e, por consequência, menos comprido. O ideal será dar um bom corte para chegarmos a pontas saudáveis e cuidá-los a partir dai. 

2) Ter cuidado com a alimentação: Como em tudo o que diz respeito ao nosso corpo os cuidados devem vir essencialmente "de dentro" portanto nada melhor do que uma boa alimentação. Existem alguns alimentos que favorecem o crescimento do cabelo, como é o caso dos peixes ricos em ácidos gordos, óleos vegetais, nozes e cereais entre outros. 

3) Fazer um bom cuidado capilar: Os banhos de óleos vegetais são maravilhosos para tal. Deixo-vos a minha receita de banho de óleo de coco que pode ser uma boa ajuda caso pretendam começar a pensar nos cuidados bio e naturais. Senão uma outra opção poderam ser boas máscaras hidratantes, adaptadas ao vosso tipo de cabelo. 

4) Aderir às Massagens Capilares: Sim, a massagem é miraculosa! Uma boa massagem capilar aumenta o aporte sanguíneo na zona e ajudará ao crescimento do cabelo. E podes fazê-la tu mesma, sozinha, quando lavas o cabelo ou quando aplicas os teus cuidados. 

5) Livrar-se do Stress: Sabemos que o stress nos afecta em várias áreas, inclusive quando falamos de cabelos. Pratica técnicas de relaxamento e verás que a tua saúde capilar melhora! 

6) Diminuir o recurso a secadores e ferros: Estes, por muitos cuidados que tenhamos estragam-nos o cabelo. O ideal será utilizá-los o menos possível e a baixa temperatura. 

7) Espaçar as Lavagens: Outra ideia parva mas a verdade é que as lavagens reduzem a quantidade de sébum natural produzido pelos cabelos e, em alguns casos, os champoos químicos contém agentes lavantes relativamente agressivos. O ideal será utilizar um champoo adaptado aos seus cabelos e muito suave e lavar o cabelo de 2 a 3 vezes por semana!

8) Pentear o cabelo com o utensilio certo: Pentear o cabelo é importante para ajudar a desembaraçá-lo e a espalhar o sébum natural do cabelo. A ideia é pentear sempre da raiz até às pontas. Opte por uma escova de fibras naturais ou por um bom pente em madeira se tiver o cabelo encaracolado. 

9) Optar por soltar o cabelo sempre que possível: Os elásticos partem o cabelo, todos sabemos disso, por isso o melhor é utilizá-los o mínimo de tempo possível. Se, como eu, têm obrigatoriamente de passar metade do dia de cabelo apanhado, opte por elásticos em espiral (que partem menos o cabelo), molas e solte o cabelo sempre que possível. 

10) Beber água: tal como para a pele, a água é essencial para a hidratação e beleza do cabelo! 

Espero que tenham gostado destas dicas! Pessoalmente estão tão inseridas nas minhas rotinas que nem dou por elas! São fáceis, baratas e muito eficazes. 

Se gostaram do post não hesitem em comentar e em deixar sugestões para novos posts em relação à Slow Beauty e aos cuidados de beleza essencialmente naturais. Sigam-nos também na nossa página de Facebook! 

Um grande beijinho a todas e bem hajam!

Margarida

DSC_0487.JPG

 

14
Mar17

Bagagem em "modo minimalista"


Margarida

Olá queridos leitores espero que estejam todos bem! 

Hoje venho falar-vos de um tema que é importantissimo na minha vida. 

Como já vos disse moro fora do país e acabo por fazer e desfazer muitas vezes a mala. Quando vou a casa dos meus pais nada de grave pois, como filha querida continuo a ter o meu cantinho e as minhas coisas mas quando viajo para outro sítio a coisa já não é assim tão fácil... 

Como estou a meio da preparação da minha mochila (sim leram bem: mochila) para quatro dias de uma "escapadinha romântica" (foi ele que a apelidou assim, não eu... :P) onde vamos essencialmente para fazer turismo e mexer muito trago-vos algumas sugestões e algumas dicas para levar o necessário sem  transportar a casa às costas! :p

Este assunto reveste-se de muita importância na minha vida porque, durante muito tempo, levei este Mundo e o outro, nem que fosse para um fim de semana! 

- A primeira coisa a fazer é a lista de coisas a levar. Eu também não percebia a utilidade até ter começado o meu "bullet journal"! ;) 

- A segundo, e aquela que sempre me pôs muitos problemas é preparar o "necessaire". Actualmente procuro levar apenas os produtos mais multifacetados possível. Opto por um pequeno frasco de champoo e gel duche incorporado (ok, não é tão bom para o cabelo mas são só alguns dias portanto nada de stress), um frasco de óleo (que utilizarei como desmaquilhante e como hidratante de corpo e cara), um frasco de hidrolato ou de água micelar que servirá para limpar a pele e funcionará como sérum, pasta de dentes e escova, um pente e um elástico para o cabelo. Em caso de necessidade tampões e um ou dois comprimidos de paracetamol. Como extras: um corretor e um rimel servirão no que toca a maquilhagem, afinal não está previsto uma grande festa ou a necessidade de um visual mais "arranjado". 

- Escolhi um casaco quente (como vou para um destino frio), uma echarpe e uma luvas. Um par de calças (fora o que vai vestido), e três partes de cima interiores que possa mudar com mais uma camisola ou casaco de fora. Roupa interior para 4 dias (aqui levo sempre o dobro do necessário, admito) e um pijama. O ideal é que os conjuntos possíveis sejam dentro dos mesmas cores de preferência neutras assim botas, mala e acessórios serviram para todos os dias! 

- Neste caso não preciso mas, por vezes, quando vou a casa de amigos tenho um necessaire (feito à mão por uma das minhas Tias ) que contém lá dentro uma toalha e é super fixe e prático! 

- A não esquecer também do carregador do telemóvel e da máquina fotográfica com o respectivo carregador. Documentos, dinheiro e cartão multibanco devem também estar no topo da lista! 

E é isto que eu levo para uma viagem de quatro dias em que a única coisa de que disponho é uma mochila de 28l. Para fazer todos os cuidados de beleza e afins terei todo o gosto em fazê-los em casa mas em viagem o importante é aproveitar o máximo possível. E ir para o Aeroporto muito cedo porque já não se suporta mais a mala não é para mim! 

Espero que este artigo fútil como tudo vos seja útil, especialmente para perceber que podemos viajar com pouco! 

Um Grande Beijinho e até ao meu regresso! 

Margarida

IMG_20170309_184607.jpg

 

 

14
Mar17

Colocar o BuJo em dia e hop: Pronta para o Regresso à Realidade!


Margarida

Após umas doces e merecidas mini-férias onde descansei muito, festejei muita coisa, vi lugares lindos e realizei um sonho muito muito antigo estou de volta! E custa um bocadinho voltar à realidade, mesmo que as energias estejas em alta (ok, dói-me os pés... mas quem disse que passear era fácil?! )

Portanto... hoje é dia de "descer do sonho" e recuperar o meu "Bullet Journal" de forma a poder entrar calma e organizadamente na rotina. 

Para quem não sabe o que é esta coisa deixo-vos o blog da Ana Gomes: ""O Meu Caderno e eu" onde encontraram este tema super bem explicadinho e com montes de ideias! 

No meu caso o "BuJo" faz parte da minha rotina da noite, enquanto aproveito para programas as coisas do dia a dia, e de manhã onde revejo tudo. É um excelente método de organização, pena nestes últimos dias o cansaço e a procrastinação me terem tirado a vontade. Mas pronto, estamos de volta! 

Também continuo à espera das vossas sugestões de posts! Vá, não sejam tímidos (se bem que mandar-me passear é um direito que vos assiste!)

Beijinhos para todos vocês e um dia maravilhoso! 

Margarida

bujo.jpg

 

 

08
Mar17

Dia da Mulher: Façamos justiça ao seu real significado!


Margarida

O Dia Internacional da Mulher foi comemorado a primeira vez (tal como o conhecemos hoje) a 28 de Fevereiro de 1909 nos Estados Unidos seguindo-se várias manifestações e Marchas em muitos outros paises Europeus e Americanos. Estas manifestações envolviam os movimentos de mulheres socialistas, que lutavam por igualdade social, trabalhista e melhores condições de vida para as mulheres, e o movimento sufralista que exigia a implicação da mulher na vida política. 

Este dia deixou de ser comemorado na Europa até ao início dos anos 60 onde foi recuperado em força pelos movimentos feministas europeus pela luta pelas mesmas liberdades e possibilidades para homens e mulheres. 

Se bem que a data é amplamente comemorada hoje em dia, ela tornou-se mais uma vez, um simbolo comercial e festivo num Mundo onde ainda existem desigualdades de género, mutilação genital feminina, violência e perseguição contra a mulher... Será que o consumismo não nos tirou a visão das coisas? Afinal fazemos festas, recebemos prendas e vamos a jantares quando ainda tantas pessoas iguais a nós sofrem daquilo que nós tão vivamente comemoramos!

Que possamos partilhar bons momentos com as nossas amigas e família mas que não nos esquecemos de que temos a "sorte" de estar onde estamos, onde muitas mulheres não podem estar! 

Feliz Dia Internacional da Mulher para ti e lembra-te: quando aceitares um presente compromete-te a fazer alguma coisa por uma ou muitas mulheres em situação de risco! Afinal ainda não ganhamos a batalha pois não? 

Um Grande Beijinho e um Feliz Dia a Todas Nós!

Margarida

 

04
Mar17

Dia do Pai: Este Ano oferece o teu Tempo!


Margarida

Olá queridos leitores, espero que estejam todos bem!

Como sabem dia 19 de Março é o famoso Dia do Pai e as lojas já estão a começar a transbordar de cartazes publicitários e de promoções. E mais uma vez lá iremos nós... numa fugida... comprar um presente que faça vista e que não seja muito caro, porque o dinheiro não estica, e que lhe daremos nesse dia aquando de uma visita de rotina, rápida e "obrigatória". Afinal é assim todos os anos, não é? 

E este dia, que até tinha sentido passou a ser uma obrigação, uma amarra como outra qualquer em que damos tudo aos outros excepto o que temos de mais precioso: o nosso tempo! 

E se este ano fizemos a coisa de uma maneira diferente e não oferecessemos apenas "mais um presente" que, às vezes, não têm utilidade ou que nem agrada assim tanto?

O que vos proponho hoje é que invistam um bocadinho do vosso tempo e o dediquem ao vosso Pai. Sem centros comerciais e sem compras de último mínuto. E se o dia 19 não dá assim tanto tempo prevê as coisas para antes ou depois! Afinal não é uma data que faz a comemoração ter mais sentido pois não?

Deixo-vos aqui 5 opções para oferecer enquanto filho/a e outras 5 opções para realizarem com os vossos filhos para o Dia do Pai! Opções muito válidas, cheias de amor e carinho, e que nos traram bons momentos em família e não apenas um obrigado e um papel de embrulho no lixo! Espero que gostem e que pensem nestas opções com carinho! 

- 5 opções de "Presentes" do Dia do Pai quando tu és a filho/a:  

  • Esta é uma opção que pode ser válido para "grandes" e "pequenos": Prepara uma refeição, nem que seja um lanche com um bolo e uma bebida, e convida o teu Pai para o provarem juntos*. Uma refeição, por muito pequena que seja, realizada por ti (mesmo que não sejas o melhor cozinheiro do Mundo) será um motivo de orgulho e de regozijo para ele! E tu aproveitarás a sua companhia! Afinal Pai não é eterno!

  • Aproveita que este ano o Dia do Pai é Domingo e prepara um passeio em família a um sítio onde fossem muito durante a tua infância. Uma praia, um vilarejo... um sítio que vos traga boas recordações e um bom par de horas de conversa! 

  • Prepara um albúm fotográfico*: Esta ideia é relativamente barata e pode ser uma opção bem divertida de realizar. Junta fotos vossas, juntos e personaliza o teu álbum. Se tiveres jeito para as artes ou vontade de fazer tudo com as tuas mão podes consultar o Pinterest* e ideias não te vão faltar. Especialmente se pensares na opção "scrapbooking"! 

 

  • Se o teu pai é doido por doces caseiros prepara-lhe um frasco ou dois, se é doido por chocolates faz-lhe uns bonbons caseiros, senão um grande frasco de bolachas feitas por ti... São bem mais fáceis de fazer do que o que pensas e serão de certeza uma grande fonte de prazer e de orgulho para ambos*! 

 

  • Se tiveres um bocadinho mais de disponibilidade financeira reserva o dia para levares o teu pai ao cinema ou ao teatro! Uma opção cultural e uma boa recordação pai-filho! 

 

- 5 Opções de "Presentes" para o Pai dos teus Filhos:

  • O Pai gosta de jogos? Porque não uma tarde de jogos em família com direiro a bolinho feito pelas mãos dos miúdos! Não lhe digas nada, preparem-lhe uma surpresa que ele vai de certeza adorar! Este "segredinho" reforçará a relação dos teus filhos contigo e dará muita felicidade ao pai que poderá aproveitar que a família está toda reunida e a divertir-se com a mesma coisa, o que admitamos nem sempre é fácil! 

 

  • Prepara com os miúdos um piquenique e levem o Pai sem lhe dizerem o que vão fazer e depois é só deixar a surpresa e o ar livre fazerem o resto. 

 

  • Realizem um presente manual*: seja um bolo, uma moldura com uma fotografia, um cinzeiro com materiais reciclados. Mais uma vez o Pinterest pode ser uma fonte de informação extremamente útil! 

  •  Faça uma "caderneta de vales"* para o pai! Podem ser vales para um abraço, um passeio no parque, um lanche em família... dê largas à imaginação! Só precisa de papel e impressora (ou pode fazer à mão se preferir) e uma boa dose de bom humor. Um presente quase 0euros no próprio dia e uma boa maneira de fazermos do Dia do Pai um "sempre que nos apetecer"!

 

  • Se a criança ainda é muito pequenina podes preparar uma caneca, uma t-shirt ou outra coisa que te passar pela cabeça* e, com um pouco de tinta, marca as mãozinhas. Se tiveres jeito para as artes podes escrever uma mensagem ou embelezar um bocadinho mais a coisa! Mais do que um presente, uma recordação útil para a vida!

 

Espero que estas ideias vos tenham agradado! Vamos fazer do nosso Mundo um bocadinho mais Slow e menos consumista?! 

Um Grande Beijinho

Margarida

*As imagens assinaladas têm hiperligação directa aos respectivos blogues onde podem encontrar o seu tutorial. Nenhuma das ideias no entanto foi experimentada por mim pessoalmente. De qualquer forma o Pinterest é uma fonte enormissima de ideias. Só procurar! 

Pág. 1/2

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D